História dos hinos

  Chegou ao fim hoje a postagem de hinos do Cantor Cristão, estou alegre com o resultado final e pelas palavras de incentivo que recebi, na pessoa de Rogério Ferreira, um dos leitores assíduos do blog, gostaria de agradecer a todos internautas. Amanhã, começo uma nova fase, que terminará no dia 10.06.10, onde serão publicadas as histórias de alguns hinos, bem como a biografia de alguns autores/tradutores/compositores. Nesta fase peço colaboração dos irmãos, que me poderão ajudar das seguintes maneiras: a) me enviando a história da composição de um dos hinos; b) me enviando uma história interessante ou um fato histórico sobre qualquer dos hinos; c) me falando qual o título original de um hino, pois há sites especializados, nos quais, se eu souber o título original do hino, poderei ler e traduzir. Peço, no entanto, que, em qualquer dos casos, me envie a fonte para dar os devidos créditos.

  A seguir tem a relação dos hinos que já tenho história são: 7, 8, 14, 30, 31, 39, 44, 46, 50, 60, 62, 79, 75, 82, 92, 97, 101, 108, 112, 132, 135, 137, 143, 147, 148, 151, 154, 155, 159, 160, 161, 175, 176, 188, 195, 198, 222, 259, 266, 274, 281, 283, 287, 289, 291, 294, 296, 301, 303, 304, 306, 314, 327, 328, 329, 343, 344, 347, 349, 354, 359, 366, 371, 375, 377, 379, 386, 390, 394, 398, 401, 406, 407, 416, 419, 421, 422, 437, 465, 466, 476, 488, 496, 508, 514, 542, 565, 566, 574, 578, 579. Meu email é professorobert (arroba) yahoo (ponto) com, é só por o sinal invés da palavra.

  A idéia desta fase é, ao mostrar as histórias dos e dos homens, conhecer das dificuldades que muitos enfrentaram, e apesar das adversidades foram servos frutíferos, desse modo encorajar os servos de Deus, da atualidade, a fazerem o mesmo, frutificar sempre e isso para a glória de Deus. Relebrando que para ouvir os hinos (me refiro aos hinos e nao biografia o história) basta passar o mouse sobre o link, daí abrirá uma janela, é só preciso clicar no play, daí se poderá ver a letra e ouvir o áudio, ainda é possível mover essa janela, que abre, para tanto é só passar o mouse na barra superior, daí vai aparecer uma seta apontando para cima/baixo/esquerda/direita, com isso é só mover a janela, como visto nem é preciso clicar no link, o que fará o internauta sair do blog e ir para o Youtube.

Anúncios
Published in: on 21 de abril de 2010 at 10:27 am  Deixe um comentário  

Entrevista com Daniel B. Alves

   Esta é uma entrevista com o irmão Daniel Barbosa Alves, regente da da Primeira Igreja Batista em Olinda, Nilópolis-RJ, ele é o irmão que aparece na maioria dos vídeos.

Crentebatista: “O que lhe levou a gravar e postar todos os hinos do Cantor Cristão e demais hinos de outros hinários?”
Daniel: “O que me levou a fazer este trabalho foi a decepção de ver os pastores sendo os principais culpados por esta decadência dos hinos sacros.”

C.B.: “Desde quando você trabalha com música?”
D. B. A.: “Desde os meus 23 anos, hoje estou com 45, acho que uns 22 anos mais ou menos.”

C.B.: “O que lhe levou aprender música?”
D. B. A.: “Eu olhava as partituras dos hinários e não entendia nada, queria conhecer todos os hinos do Cantor Cristão, isto me levou ao interesse da musica.”

C.B.: “Quais têm sido as maiores dificuldades com esta iniciativa de gravação?”
D. B. A.: “O equipamento não muito adequado, luta do inimigo usando pessoas pra dizer que estes hinos são de velho.”

C.B.: “Você levou quanto tempo para gravar os hinos do Cantor Cristão?”
D. B. A.: “Aproximadamente 8 meses, pretendo gravar novamente com som de piano isto para o futuro.”

C.B.: “Em que hora do dia geralmente o irmão grava?”
D. B. A.: “Parte da manha, quando saio do trabalho, levo quase o dia todo, pelo menos 12 a 13 horas, e gravo uns 10 hinos por dia.”

C.B.: “Quem é o instrumentista que lhe acompanha?”
D. B. A.: “Note Worth Composer, um programa, copio nota por nota, do hinário, e passo para este programa ele toca e eu canto.”

C.B.: “Quais seus hinos prediletos?”
D. B. A.: “Todos, mas tem o hino 342, do Cantor, a minha cruz.”

C.B.: “Qual a mensagem que você deixa para os leitores?”
D. B. A.: “A maior, e melhor, maneira de sentir a presença de Deus é quando se louva de coração um hino congregacional, de preferência do Cantor Cristão.”

C.B.: “Caso tenha ficado algo que o irmão queira falar ou responder fique à vontade em formular e responder a pergunta ou comentar sobre algo.”
D. B. A.: “São vocês que me fazem continuar, tudo começou numa brincadeira no Orkut, que coloquei um hino, por colocar, e deu certo, e tendo a decepção de ver os hinos morrerem resolvi fazer isso, tem no Orkut os desenhos referentes aos hinos do Cantor Cristão, que fiz, quem quiser adicionar é hinario (arroba) hotmail (ponto) com, meu nome Daniel Barbosa Alves. Muito obrigado por todos que tem acessado meu árduo trabalho e os que no futuro também irão acessar, muito obrigado.”

    Quero lembrar que ele, o irmão Daniel, tem posto no Youtube todos os hinos do Cantor Cristão, particularmente fiquei impressionado com algo, eu pensei que ele fosse acompanhado por algum instrumentista, mas, como falado,  é um programa, que o acompanha, posteriormente ele me falou que para por cada nota do hino dura entre 20 e 30 minutos, se multiplicarmos este período por 581, pois é o número de hinos que tem no Cantor Cristão, então chegamos perto do tempo gasto por ele, pois ainda há o tempo de gravação de cada hino, período cantado, por tudo isso, peço aos leitores que se lembre dele nas suas orações.

Published in: on 21 de abril de 2010 at 4:01 am  Deixe um comentário  

Hino 581 – A única Esperança

Do Amapá ao Rio Grande,
Do Recife a Cuiabá,
Grita a angústia que se expande:
A verdade onde estará?
Em São Paulo, no Acre ou Minas,
Em Brasília ou Salvador,
Proclamemos as divinas
Boas-novas do Senhor!

Cristo é a única Esperança
Neste mundo tão hostil,
Para a santa liderança
Do Evangelho no Brasil!

Nossa Pátria amada e imensa,
Nosso povo humilde e bom,
Tem por meta a recompensa
Do celeste e eterno dom;
Do Oriente ao Ocidente
E do Norte so Sul, feliz,
Cada qual se torne um crente
Para a bênção do país.

Na campanha brasileira
Para evangelização
Seja a fé nossa bandeira,
Nossa espada, a salvação;
E por lema da porfia
Que garante o céu, além:
‘Trabalhar enquanto é dia,
Pois a noite perto vem!’

link http://www.youtube.com/watch?v=JLBhxiLYnjA

Published in: on 21 de abril de 2010 at 2:19 am  Deixe um comentário  
%d blogueiros gostam disto: